domingo, 1 de julho de 2012

Entrevista por email a Olinda Coutinho


Olinda Coutinho
 
1. Qual o teu primeiro contacto com a fotografia ? As minhas primeiras fotos são em bebé, servindo de modelo. Depois fotos com amigos (as) nas saídas e férias, sempre com muito humor. Em 2008 convidaram-me para ser modelo numa sessão fotográfica, o fotógrafo considerava-me fotogénica… mas só aceitei com a condição de escolher o tema, algo alternativo. Modelos com olhar vazio para a máquina e boquinha de peixe não faz de todo o meu estilo.
2. Como desenvolveste o gosto pela fotografia ? Não sei. Um amigo Carloscarlos (nick name no Olhares) convidou-me para fazer fotos com ele uma tarde e quando viu as minhas fotos ficou admirado com a minha tendência natural para grafismos, foi nos finais de Fevereiro deste ano e eu nem sabia ligar a máquina, nunca tinha sido usada e já a tinha há anos.
3. Que tipo de fotografia gostarias de fazer ? Gosto de grafismos, abstratos e fotojornalismo.
4. Que tipo de fotografia costumas fazer ? Agora, de tudo um pouco mas tenho preferência por grafismos e abstratos.
5. Já leste algum livro sobre fotografia ? Se sim, qual ou quais? Nunca.
6. Já fizeste algum curso de fotografia ? Não.
7. Quais são as partes do dia que geralmente utilizas para fotografar (manhã, tarde ou noite)? Manhã.
8. Fotografas durante a semana ou no final de semana ? É indiferente, estou desempregada, todos os dias são iguais.
9. Qual é o equipamento de fotografia que geralmente utilizas ? Um “sabonete” da Casio.
10. Já experimentaste várias máquinas fotográficas ou geralmente utilizas sempre a mesma? É a única que tenho e desconfio que será a única que terei e não é por estar feliz com o seu desempenho.
11. Já experimentaste fotografar com telemóvel ? Sim. Mas não publico.
12. Se fazes fotografia de retrato, tens algum modelo habitual ? Fiz uma vez apenas e de uma amiga minha (publicado). Não gosto de fotografar pessoas.
13. Quando viajas levas a máquina fotográfica contigo ? O que procuras fotografar ? Paisagens, Monumentos e/ou Pessoas? Não viajo mas se viajasse, provavelmente paisagens e grafismos.
14. Em que modo costumas fotografar ? (automatico, manual, prioridade à abertura, etc) Automático pois sei zero de técnica, descobriu uma amiga minha que a máquina também pode ser manual, vou iniciar experiências nesse campo.
15. Gostas mais da fotografia a cores ou P&B ? Cores.
16. Num universo de 750 fotos de qualidade consegues escolher as 10 fotos melhores ? Se for eu a fazê-las acho que não, deito muita coisa fora e outras ficam a ganhar mofo. Sou muito insatisfeita com o que faço. Se forem de outros fotógrafos, sim.
17. Costumas publicar as tuas fotos em algum site de fotografia ? Se sim, qual ou quais ? Sim. Olhares e 1000 imagens.
18. O que mais procuras num site de fotografia ? (exposição das fotos, comentários, dicas, outros) Neste momento, dicas.
19. O que mais te agrada na fotografia: Estética; Composição; Cor; Luz; Contraste; Impacto visual. Estética e impacto visual.
20. Quem mais te influenciou na fotografia ? O carloscarlos que me “obrigou”a fotografar tanto como tu a fazer este questionário. Já não o podia ouvir e a ti já não te podia ler…
21. Porque é que a fotografia é importante para ti ? Porque gosto e passei a olhar o mundo de maneira diferente. Tudo, para mim é viável de ser fotografado. Tenho fotografias dos objetos domésticos mais banais. Não publico pois os sites de fotografia são pouco dados a inovações. Acabam por limitar a criatividade de cada um castigando-os com votos negativos. Não é coisa que me afete pois tenho vida para além de um site com falta de transparência e consideração pelos seus utentes.
Para quê votar se a visão de cada um é diferente dos demais?
Quem determina o que é bom ou mau num assunto tão subjetivo?
Quem tem poder para julgar algo intangível como a visão que cada qual tem do mundo?
Mas no fundo sempre queremos agradar aos nossos “amigos” e damos por nós a fazer mais do mesmo.
22. Acreditas na expressão: Uma foto vale mil palavras ? Se sim, porquê ? Pode poupar palavras, sim! Mas a palavra é “o utensilio” do Homo Sapiens Sapiens.
23. Se a fotografia não existisse, o mundo seria diferente ? Principalmente pela falta de informação, seria tudo na base do ouvi dizer.
E, obviamente, na parte do prazer e lazer que proporciona.
24. O que gostarias de ver através da tua câmara fotográfica ? Um mundo sem injustiças sociais.
25. Quem é o teu fotografo favorito ? Alguns, cada qual no seu estilo. Não sou sectária no que toca a admirar fotografia, costumo dizer até que gosto de tudo.
26. Achas que é preciso ter talento para registar emoção numa fotografia ? Acho que é inato. Não se aprende. Há trabalhos com muita técnica que não me fazem sentir nada. Mas podem fazer sentir ao autor, logo – não critico, nem voto vermelho NUNCA. Não sou juiz.
27. Achas que o preço de uma câmara fotográfica pode afetar o resultado final da foto ? Sim, definitivamente!
28. Tens estilo próprio na fotografia ? Se sim, qual ? Não sei.
29. Para ti a fotografia é um hobby ou um modo de vida (profissional) ? Hobby.
30. O que é necessário para ser um bom fotografo ? Não sei.
31. O que mais gostas de fotografar ? Grafismos e abstratos.
32. Na tua opinião, o que faz da fotografia uma arte ? Não sei. Para mim a avaliação de uma foto é tão simples como isto: ou gosto ou não gosto.
33. Acreditas que a fotografia de rolo (35mm) vai acabar definitivamente na fotografia digital ? Não sei. Provavelmente.
34. Qual é a história da tua fotografia? Todos os fotógrafos são considerados contadores de histórias. O que faço atualmente não conta nada.
O que transmitem as tuas fotos? O que cada um sentir através delas.
35. Como fotógrafa, és a primeira crítica dos teus trabalhos? E muito. Tenho grandes crises de identidade em que não gosto de nada e passo algum tempo sem publicar.
36. Concordas com a expressão: "Escrever um elogio com a intenção de agradar o fotógrafo para receber a sua visita, é tão mau como dar uma crítica destrutiva." Sim.